Início Destaques Cidade de Socorro (SP) promove ações turísticas sustentáveis pela Serra da Mantiqueira

Cidade de Socorro (SP) promove ações turísticas sustentáveis pela Serra da Mantiqueira

COMPARTILHAR

A preocupação com o meio ambiente está entre as prioridades da cidade de Socorro ao incentivar o turismo pelas suas atrações. Localizado em meio às belezas naturais da Serra da Mantiqueira, onde se encontra a rica biodiversidade da Mata Atlântica, o destino promove diversas ações sustentáveis em parceria com estabelecimentos da própria região, entre elas estão a recuperação da nascente na bacia do Rio do Peixe, onde atividades como rafting são realizadas, e de áreas florestais degradas.

À exemplo, está o novo projeto da Prefeitura Municipal da Estância de Socorro e do Conselho Municipal de Turismo (COMTUR), Socorro 2029, que surgiu com o intuito de divulgar as práticas realizadas pelo município em prol da natureza que o cerca e posicioná-lo, em nível nacional, como um destino que também se dedica ao desenvolvimento de forma estruturada e pensada para que os cidadãos tenham uma vida melhor. Além disso, o tema foi escolhido para atender as tendências mundiais, que seguem esse caminho de promover a sustentabilidade no turismo.

Dentre as atuações dos empreendimentos, vale mencionar o Parque de Aventura Monjolinho, que conserva mudas de árvores nativas para plantio imediato, realiza a compostagem do lixo orgânico e a reciclagem do restante, e ainda conta com uma micro hidrelétrica sustentável e com um monjolo, movido à água reutilizada, onde o milho é triturado por 24 horas e depois distribuído a 3 comedouros de pássaros. Já a Pousada Família Jantonio e a Pousada Recanto dos Manacás têm um projeto em conjunto de reciclagem que reverte o valor arrecado para a Escola de Educação Especial da Cidade (APAE).

Socorro também se preocupa em oferecer atividades de aventura com viés educacional aos turistas. Com a agência de turismo Mundaka Aventura é possível realizar passeios com o acompanhamento de biólogos, que não só comentam sobre a fauna e a flora locais, mas também mencionam os impactos ambientais e a importância da preservação da área.