Início Destaques Grupo reúne destinos ideais para as viajantes independentes

Grupo reúne destinos ideais para as viajantes independentes

COMPARTILHAR
W Punta Mita

O mês de março é todo dedicado à celebração das mulheres e suas conquistas. O ano de 2017 ficou conhecido como o “ano da mulher viajante” no setor de turismo e, desde então, 2018 se tornou o “ano da mulher”. E que forma melhor de celebrar as conquistas femininas, individuais e coletivas do que viajando sozinha? Para comemorar, a Marriott elaborou uma lista com oito destinos especiais às mulheres viajantes que leva em consideração segurança do local, imersão cultural, oportunidades de aprendizado e inspiração.

“As viagens têm papel essencial no equilíbrio entre vida pessoal e profissional, pois criam oportunidades de reabastecer as energias e aprender sobre a cultura de cada destino. Como mulher viajante, sugiro estes oito destinos para 2018”, diz Kieran Donahue, vice-presidente de marca, marketing e digital para as Américas da Marriott International.

Punta Mita, México: uma das praias mais visitadas no México por mulheres de todo o mundo, a pequena vila de pescadores é ideal para as fãs da brisa do mar e do calor do sol. O destino atrai milhares de turistas todos os anos em busca de paisagens naturais e tranquilidade. Ele fica a poucos quilômetros de Sayulita, o lugar ideal para descobrir novos esportes aquáticos. Sayulita tem hotéis como o recém-inaugurado W Punta de Mita, perfeito para as viajantes animadas e dinâmicas.

Montevidéu, Uruguai: com um “quê” exótico e hospitalidade que atrai um grande número de viajantes, o Uruguai já é um destino bastante popular entre as mulheres que viajam sozinhas. A capital é uma das mais populares cidades cosmopolitas da América Latina, graças a atrações como a Ciudad Vieja, que apresenta uma combinação de edifícios em Arte Déco e casas coloniais. As viajantes interessadas na culinária local encontram excelentes opções no Mercado del Puerto, onde funcionam restaurantes e pequenas lojas. O Aloft Montevideo Hotel é ideal para a mulher moderna; já o Sheraton Montevideo Hotel é excelente opção para aquelas em busca de algo mais tradicional.

Panamá: a popularidade do país vai além do famoso canal que conecta os oceanos Atlântico e Pacífico. A Cidade do Panamá possui diversos arranha-céus modernos e casas noturnas que contrastam com as construções coloniais de Casco Viejo e o verde do Parque Nacional Metropolitano, demonstrando a diversidade do destino. Situado em um bairro a poucos minutos do aeroporto e do centro da cidade, o novo hotel e resort de golfe Santa Maria, pertencente à Luxury Collection, foi projetado para atender à nova geração de exploradores globais em busca de experiências culturais autênticas. Reserve um tempo para explorar a beleza do local por suas águas azul turquesa, arquitetura histórica, excelentes restaurantes e aventuras ao ar livre.

Washington, D.C.: Passar o mês da mulher na capital americana é uma excelente ideia por várias razões. Diversos movimentos feministas nasceram ali, e é possível explorar toda a cidade a pé (ou de bicicleta, graças ao programa de compartilhamento de bikes da cidade). Há muitos monumentos e locais para visitar durante o ano todo, mas D.C. é especialmente bonita durante a primavera, época da florada das cerejeiras. O histórico Mayflower Hotel fica próximo a museus com entrada gratuita e hospedou várias mulheres famosas e bem-sucedidas como Amelia Earhart, Sophia Loren e Jacqueline Kennedy Onassis.

Chicago, IL: Não é difícil se manter ocupado em Chicago, especialmente hospedando-se no centro do Magnificent Mile, lugar ideal para explorar as mais importantes atrações e visitar as principais lojas. A Cidade dos Ventos tem opções de atividades e gastronomia para todos os perfis, mas o Gwen oferece uma experiência exclusiva às mulheres. A propriedade faz parte da história da cidade desde 1930. Sua fachada foi projetada em 1928 pela escultora Gwen Lux, que se destacou na década de 1930 em uma cidade dominada pelo design masculino. No hotel, as mulheres de hoje podem celebrar as mulheres do passado. Durante o mês de março, o bar Upstairs, no Gwen, vai servir o drink especial “The Future is Female”.

Sedona, AZ: Combinando relaxamento, aventura e autorreflexão, Sedona agrada a todas as viajantes independentes. Embora seja conhecida como a “meca da cura espiritual” graças à meditação, yoga e seus spas, a cidade oferece também cursos de aventura e tours off-road, além de ter quase 200 trilhas a serem exploradas. As vistas das cordilheiras proporcionadas pelo Courtyard Sedona são impressionantes, mas a melhor forma de conhecer o lugar é ao ar livre.  Para aquelas que preferirem relaxar no hotel, as principais atrações são as vistas do deck, o ponto de meditação, as lareiras e as aulas de meditação logo pela manhã, cercadas pela natureza.

Maui, HI: a ilha havaiana é ideal para viajantes independentes que querem conhecer o Pacífico. Quem busca aventura encontra diversos tours e atividades para grupos, incluindo trilhas e tirolesas. Se preferir caminhar sozinha, fique à vontade: é totalmente seguro. As atividades da ilha oferecem às viajantes independentes a oportunidade de se conectar com os kama’aina (moradores locais) e outros turistas.  E, claro, ilhas são sempre excelentes lugares para se relaxar: são quase 50 quilômetros de praias a se explorar. É muito difícil ver alguma delas lotada. O Wailea Beach Resort – Marriott, Maui fica a poucos passos das praias de Wailea e Ulua e conta com um calendário repleto de atividades, como yoga sob a luz da lua cheia e introdução a mergulho com cilindro em uma das suas cinco piscinas.

Montreal, Canadá: não é má ideia viajar sozinha para conhecer algumas das pessoas mais legais do mundo. Mas essa não é a única atração de Montreal, cidade segura, com ares europeus e residentes bilíngues. A viagem até lá é muito rápida a partir da costa leste dos Estados Unidos e há diversos museus e lojas para visitar. Montreal também possui inúmeras opções para comer e beber bem. O circuito gastronômico é muito rico. Não saia de lá sem provar o Poutine: o prato típico de Quebec é preparado com batatas fritas e pedaços de queijo cobertos com molho especial. Curta a área de Old Montreal, explore Mont-Royal ou assista a um concerto da Orquestra Sinfônica da cidade. O AC Hotel Montreal Downtown será inaugurado em março deste ano, no centro do distrito de entretenimento e a poucos minutos de opções de compras e gastronomia.

Foto: Divulgação/cvent