Início Destaques Lugares inusitados no Japão

Lugares inusitados no Japão

COMPARTILHAR
Foto: Reprodução

Visitar o Japão é desejo de muitos brasileiros, principalmente em razão da cultura do país e dos destinos que unem a tecnologia com as tradições. Só em janeiro deste ano, 2,68 milhões de estrangeiros visitaram o Japão, de acordo com o Departamento de Turismo do Governo Japonês, e o interesse por conhecer essa cultura cresce anualmente. Mas, o que fazer por lá?

O Japão é formado por 4 ilhas maiores e principais. São elas: Hokkaido, Honshu, Shikoku e Kyushu, além das milhares de pequeninas ilhas ao sul que formam o arquipélago de Okinawa. Marianna e Marcella Pacca, do Segredos de Viagem, comentam que a maioria dos turistas brasileiros acabam por concentrar a viagem em Honshu, maior das ilhas.

É ali que ficam as cidades mais conhecidas e visitadas, como Tokyo, Kyoto, Osaka e Hiroshima. Mas durante nossa visita ao país, incluímos destinos menos comuns no nosso roteiro e não nos arrependemos. É claro que Tokyo e Kyoto são imprescindíveis na sua viagem, mas há outros lugares inusitados que valem à pena explorar“.

Se a sua intenção é sair do tradicional ao visitar o Japão, confira algumas dicas dadas pelas blogueiras.

Foto: Reprodução

Explore a arte em Naoshima

Considerada a ilha das artes do arquipélago, não são todos os brasileiros que exploram Naoshima. Por lá, o turista vai se deparar com obras inusitadas e muitos museus, além de alguns projetos arquitetônicos de Tadao Ando. Para ter uma experiência mais completa, a dica é dormir no Benesse House, referência em arquitetura moderna dentro do Benesse Art Site, principal complexo artístico da ilha.

A arte é a grande protagonista do local e muitos pontos turísticos podem ser apreciados em apenas um dia de viagem. É possível encontrar duas das famosas abóboras gigantes da Yayoi Kusama. Uma, amarela e imponente em um pier na beira do mar, e outra vermelha e interativa perto do porto. O Art House Project é uma outra atração que se destaca como uma das mais interessantes.

Visite Taketomi e curta as praias paradisíacas junto à tradição

Uma das ilhas mais ao sul do arquipélago de Okinawa e relativamente mais próxima de Taipei do que de Tokyo. É uma ilha remota e bem pouco visitada por turistas. Taketomi mantém seus paraísos e culturas praticamente intocados. Por lá, o viajante vai aproveitar praias paradisíacas que fazem um contraste interessante com construções tradicionais. Explore as praias de Kondoi para mergulhar nas  águas transparentes, descubra as a areia em formato de estrela na praia de Kaiji e assista o pôr do sol do Nishi Pier. É possível também pegar ferries e fazer passeios em ilhas próximas, como Ishigaki e Iriomote.

Vá a Takayama e encontre uma natureza especial

Entre as montanhas da província de Gifu, está a tradicional e bem preservada Takayama, com casas de madeira que remontam ao período Edo. Uma cidade com um dos maiores festivais do Japão, o Takayama Matsuri, que acontece sempre na primavera e no outono japonês.  Nessas épocas do ano você pode curtir a mudança do cenário da cidade durante a florada das cerejeiras ou quando as folhas ficam em tons avermelhados, típicas do outono. Em ambos períodos a cidade fica ainda mais encantadora.

Quem visita Takayama pode ainda vivenciar um pouco da cultura japonesa com construções que se mantiveram preservadas como antigamente e estão abertas para visitação do público, ou pode fazer degustações em destilarias de sakês tradicionais da região.