Início Destaques Explore Belmonte, a cidade de Pedro Álvares Cabral

Explore Belmonte, a cidade de Pedro Álvares Cabral

COMPARTILHAR

Belmonte é uma aldeia histórica em Portugal. O local preserva uma belíssima atmosfera medieval e é conhecido por ser a cidade onde nasceu Pedro Álvares Cabral, navegador português e descobridor do Brasil.

Belmonte é um patrimônio cultural e monumental da humanidade, que reúne história, arquitetura medieval e paisagens encantadoras.

Confira abaixo alguns lugares para colocar na listinha da próxima viagem:

Museu do Descobrimento
Instalado no Solar dos Cabrais, o Museu dos Descobrimentos tem como objetivo apresentar o feito histórico de Pedro Álvares Cabral: a possível descoberta do Brasil. É uma visita em que o turista irá voltar 500 anos de história num percurso dinâmico e repleto de recursos visuais. Um passeio imperdível para as crianças.

Igreja de São Tiago
Esta igreja e a Capela dos Cabrais localizam-se junto ao Castelo e formam um conjunto classificado como Monumento Nacional. Sua peculiaridade se apresenta nos traços românicos e góticos, além de elementos arquitetônicos do período manuelino que foram acrescentados posteriormente: um verdadeiro mosaico arquitetônico.

Castelo de Belmonte
Seu lugar de destaque no topo do destino confere ao Castelo de Belmonte um charme e imponência todo especial. Este monumento sofreu diversas alterações arquitetônicas, além de ter tido várias funcionalidades ao longo dos tempos.

Museu Judaico de Belmonte
Belmonte possui uma forte presença judaica e destaca-se por ter sido um território de permanência da cultura e da tradição hebraicas desde o início do século 16 até aos dias de hoje.

O Museu Judaico de Belmonte é o primeiro museu judaico de Portugal. Este espaço retrata a história dos judeus no país, a sua integração na sociedade portuguesa e a sua valiosa contribuição cultural na arte, literatura e comércio.

Torre de S. Cornél
Este enigmático monumento da época do apogeu do império romano tem alimentado a imaginação de arqueólogos e historiadores ao longo dos anos. Isso porque não se sabe ao certo qual terá sido a sua real funcionalidade. Para uns, terá sido um templo, para outros, um acampamento militar ou uma prisão, mas o que realmente importa é que este espaço é um exemplar único de arquitetura romana.

Foto: Divulgação/Centro de Portugal